Módulo “A Abordagem da Espiritualidade nos Cuidados Paliativos” encerra curso no HCFMB

0
109

Na quinta-feira, 14, foi realizado o último módulo do Curso de Educação Continuada, promovido pelo Serviço de Cuidados Paliativos e pelo Núcleo de Capacitação e Desenvolvimento de Recursos Humanos (NUCADE-RH) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), no Anfiteatro da Patologia.

O geriatra Dr. Luis Gustavo Mariotti, médico assistente do Serviço de Cuidados Paliativos do HCFMB, ministrou o tema “A Abordagem da Espiritualidade nos Cuidados Paliativos”, apresentando dados, histórias e estudos sobre o  assunto.

Segundo ele, existem várias maneiras diferentes de vivenciar aspectos de espiritualidade, sem necessariamente estar atrelado a religiões. “Quando falamos em  espiritualidade, falamos de uma dimensão do ser humano, independente da convicção da crença religiosa”, afirma.

Dr. Luis Gustavo comenta que os profissionais de saúde devem se sensibilizar com o tema para se capacitarem a atender os pacientes de cuidados paliativos. “Estudos mostram que a maior parte dos pacientes gostaria que os médicos abordassem suas necessidades religiosas, para que eles possam ter forças para enfrentar seus problemas de saúde”, diz.

A técnica de enfermagem da Unidade de Pesquisa Clínica da Faculdade de Medicina de Botucatu (Upeclin/FMB), Silvana Aragão, participou do curso e aprovou. Além do horário, os módulos ministrados foram abrangentes e muito produtivos. “Acho importante este tema da espiritualidade. Em outro dia, lembraram da importância de prestar mais atenção no paciente e não apenas nos aparelhos e na medicação. Às vezes, ele quer conversar e a gente precisa dar esse suporte”, afirma.

Drª. Thays Antunes Silva, médica responsável pelo Serviço de Cuidados Paliativos do HCFMB e organizadora do curso, fez uma avaliação muito positiva. “Nossa proposta com a atividade é disseminar esse conhecimento tão importante ao máximo de profissionais possíveis dentro do HC, contribuindo para uma melhor assistência em todos os setores de atenção em saúde.  Queremos trazer um olhar amplo, ao paciente”, afirma.

A participação de todos os profissionais de saúde do HCFMB motivou a médica a continuar promovendo reflexões sobre o tema. “Em 2019, continuaremos a nos encontrar mensalmente e discutiremos temas importantes através de aulas, discussões de filmes e atividades práticas em grupo. Abordaremos alguns temas como alimentação e hidratação artificial no fim de vida, tratamento de hemorragias e anemias, bioética, entre outros”, pontua.

Ao todo, foram 10 aulas, iniciadas em junho de 2018, com temas e palestrantes diversos. Alguns deles foram “Abordagem no Luto”, “Manejo da Fadiga, Anorexia, Sudorese e Prurido”, “Cuidados de Fim de Vida”, entre outros.

Tadeu Nunes – 4toques Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here