Investimentos em tecnologia e em treinamento marcam os 6 anos de Autarquia

0
833

Diretor Administrativo do Estadual relata sobre a atuação da Engenharia Clínica no HCFMB

O próximo entrevistado desta série em comemoração aos 6 anos de autarquização do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) é Antonio Plácido Chahad, Diretor Administrativo do Hospital Estadual Botucatu, que descreve sobre a atuação da Engenharia Clínica na Instituição e os benefícios trazidos por iniciativas em prol da Segurança do Paciente.

“Quando eu vim para Botucatu, a Engenharia Clínica já existia e era atuante, mas não tinha o caráter que tem hoje, este cunho de treinamento tão grande que a Michele Batiston tem desenvolvido no Hospital (e eu no Estadual, como uma extensão da área). Houve um grande desenvolvimento na área de tecnologia.

Nestes três últimos anos, trouxemos pro Hospital um evento que fazíamos em Bauru, que é o Seminário de Engenharia Clínica. Isso beneficiou o paciente de uma maneira geral, pois trouxe mais segurança no atendimento e melhorias na parte tecnológica, ajudando os profissionais da área a utilizarem os equipamentos. O evento apresenta o que há de moderno na área de Segurança do Paciente, de uso de equipamentos, treinamento, desenvolvimento, na aplicabilidade e usabilidade. Podemos dizer, com certeza, que é o mais longo Seminário deste segmento no Brasil, pois se estende por 11 anos, sendo três aqui.

Atualmente, estou na Diretoria Administrativa aqui no Estadual. Fizemos alguns trabalhos no HCFMB (e que estendemos para cá) que foram possíveis com o advento da Autarquia, como o controle de acesso e a instalação de cancelas, para tornar o ambiente mais seguro às milhares de pessoas que são atendidas diariamente e melhorando o controle de acesso dos funcionários. Além disso, há a implantação do sistema de monitoramento CFTV, que já está completo no Estadual, no SARAD e, no HCFMB, está em fase de término. São mais de 300 câmeras instaladas, que permitem um monitoramento completo e dão segurança a todos, com controle do que entra e sai e dos eventos adversos.

Sinto-me muito gratificado em trabalhar nesta Instituição. Tivemos um grande apoio da Diretoria para desenvolvimento de projetos, e temos outros em andamento (controle dos estacionamentos). Vi um crescimento muito grande da Autarquia e uma melhoria geral, sempre com o foco no paciente, que é o mais importante para o HCFMB. Sou feliz por ter colaborado durante estes três anos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here