Laboratório de Análises Clínicas do HCFMB completa 50 anos de atividades

0
1013

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) comemorou na última quarta-feira, 1º de novembro, os 50 anos de atividades de seu Laboratório de Análises Clínicas. A cerimônia teve início com o plantio de uma árvore, da espécie manacá-da-serra, no jardim do Departamento de Patologia. Participaram do ato a supervisora do Laboratório de Análises Clínicas, Maria Salete Sartori e também o primeiro técnico a ser contratado para atuar no serviço, Luiz Carlos de Oliveira, hoje com 70 anos, e que também foi homenageado durante a solenidade.

Plantio de árvore marca aniversário de 50 anos
do Laboratório Clínico
Mesa composta para as comemorações

Logo após o plantio, os convidados se dirigiram para o Anfiteatro da Patologia, onde o biólogo e professor do Departamento de Saúde Pública da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) Roberto Carlos Burini, um dos precursores do Laboratório de Análises Clínicas do HCFMB, apresentou as principais fases que marcaram a trajetória da unidade. Ao final de sua fala, ele também teve sua atuação reconhecida pelo HC, que o presenteou com uma placa alusiva ao jubileu do laboratório.

A supervisora do Serviço, Maria Salete Sartori também apresentou dados da unidade, mas com um enfoque maior nos dias atuais. Antes de encerrar a cerimônia, Luiz Carlos de Oliveira, contratado em 1967, também discursou, emocionado, sobre os anos que dedicou ao serviço.

Dr. André Balbi, superintendente do HCFMB, observou, logo no início da solenidade, a importância de se valorizar as pessoas que trabalham diariamente para o desenvolvimento e a evolução dos diversos setores da instituição. O dirigente também colocou que o Laboratório de Análises Clínicas é um dos pilares do Hospital e só chegou aos 50 anos fortalecido, pois há pessoas preparadas trabalhando no local. “É fundamental reconhecermos as contribuições que pessoas deram para as unidades do nosso Hospital e que tiveram uma grande importância para o seu crescimento”, disse o superintendente.

Ao também compor a mesa de autoridades durante as comemorações, o superintendente administrativo da Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar (Famesp), Prof. Dr. Sidnei Lastória, destacou sua satisfação por estar presente nos 50 anos do Laboratório de Análises Clínicas. “Além de a Famesp sempre fazer o possível para apoiar as atividades do HC e da FMB, é também uma satisfação pessoal, pois

Maria Salete Sartori e Adriana Gonçalves
Maria Salete fala sobre o futuro do serviço

acompanhei e vivenciei a trajetória desse laboratório desde que era estudante de medicina, principalmente quando fui supervisor do Hospital. Nessa fase, quando o conheci com profundidade, entendi, de fato, a importância dessa unidade para o nosso HCFMB”, afirmou. “Sou testemunha da dedicação dos funcionários desse setor e, por isso, quero homenageá-los, desde os pioneiros até seus sucessores, pelos resultados que temos hoje”, acrescentou.

Professor Sidnei ainda ressaltou que o Laboratório de Análises Clínicas é importante não apenas na assistência, mas também na pesquisa e na formação e qualificação de recursos humanos. “E nunca podemos nos esquecer que, por trás dessa estrutura, há pessoas e são elas as responsáveis por esse sucesso”, concluiu.

Ao deixar sua mensagem, a supervisora do Laboratório, Maria Salete Sartori, disse esperar que nos próximos anos o Serviço possa se desenvolver ainda mais, primando sempre pela qualidade do atendimento. “Nunca devemos nos esquecer de que nosso foco é oferecer uma assistência de qualidade aos pacientes”, enfatizou.

O Laboratório de Análises Clínicas do HCFMB realiza, por mês, 170 mil exames e possui em seu quadro, dividido entre o Hospital das Clínicas e o Hospital do Bairro, onde está a seção de coleta, 109 funcionários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here